(48) 3065-6602 (48) 99999-5741 secretariaexecutiva@sbmh.com.br


História da SBMH

Fundada em 1983 por um grupo de 12 médicos, a Sociedade Brasileira de Medicina Hiperbárica é uma associação médica dedicada a congregar médicos comprometidos com a excelência científica, técnica e ética no exercício diário da medicina subaquática e da oxigenoterapia hiperbárica.

Nos anos seguintes à sua fundação a SBMH presenciou e auxiliou no desenvolvimento de diversos serviços do meio no país, como o primeiro serviço de medicina hiperbárica em hospital universitário, instalado em 1986 pelo professor Dr. Paulo Lazetti no Hospital de Clínicas da UNICAMP, Campinas-SP.

Em 1995 veio a primeira Regulamentação de Medicina Hiperbárica pelo CREMESP no Estado de São Paulo. Veio também a Regulamentação Oficial da Medicina Hiperbárica pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) em todo Brasil pela Resolução 1.457/95. Em 1998 os professores Dr. Dário Birolini e Dra. Mariza D’Agostino Dias coordenaram a primeira turma do Curso de Extensão Universitário sobre Medicina Hiperbárica da USP em São Paulo-SP.

Através de muito trabalho e esforço da SBMH, as conquistas não pararam. Em 2002 a ANVISA, através da publicação da RDC n 50/2002, liberou a normatização das instalações dos serviços de medicina hiperbárica no Brasil, permitindo uma maior qualidade e segurança das unidades de medicina hiperbárica do país. 8 anos depois, em 2010 a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) inclui como obrigatório o pagamento da Oxigenoterapia Hiperbárica por convênios.

As conquistas da SBMH não param por aí, todos os anos a Sociedade Brasileira de Medicina Hiperbárica vem lutando para expandir pesquisa e conhecimento da oxigenoterapia hiperbárica e ampliar seu atendimento e acesso a população brasileira.

Conheça um pouco da nossa história

1932Primeira Câmara Hiperbárica da América Latina
Hospital Gaffrée e Guinle – Rio de Janeiro
Dr  Álvaro Ozório de Almeida
1983Fundada a Sociedade Brasileira de Medicina Hiperbárica – SBMH
1986Primeiro Serviço de Medicina Hiperbárica em Hospital Universitário
Hospital de Clínicas da UNICAMP
Professor Dr Paulo Lazetti
1991Início do Serviço de Medicina Hiperbárica da USP
Hospital de Clínicas da USP
Dra Mariza D’Agostino Dias
1995Regulamentação de Medicina Hiperbárica pelo CREMESP no Estado de São Paulo
Regulamentação Oficial da Medicina Hiperbárica pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) em todo Brasil pela Resolução 1.457/95
1998Primeira turma do Curso de Extensão Universitária da USP sob Coordenação do Prof. Dr Dário Birolini e da Drª Mariza D’Agostino Dias
1999Inclusão da Sessão de Oxigenoterapia Hiperbárica na Tabela AMB/99 da Associação Médica Brasileira
2002Normatização das instalações dos Serviços de Medicina Hiperbárica pelo Governo Federal através da ANVISA na publicação da RDC nº 50/2002
Realização do primeiro Congresso Brasileiro de Medicina Hiperbárica no Rio de Janeiro - Bianual
Inserção da atividade do Médico Hiperbarista na Classificação Brasileira de Ocupações sob o número 225345
2003Classificação da Medicina Hiperbárica como Alta Complexidade pelo Ministério da Saúde
Realização do primeiro Fórum Nacional de Segurança, Qualidade e Ética - Bianual
2006Realização do Congresso Panamericano de Medicina Hiperbárica com apoio da UHMS
2007 - 2008Gestão e Colaboração junto ao Ministério da Saúde na tentativa de inclusão da OHB na tabela do SUS
2009Primeiro Curso de Extensão Universitária em Enfermagem Hiperbárica – Anual
2010Inclusão no Rol da Agencia Nacional de Saúde Suplementar (ANS) da Oxigenoterapia Hiperbárica como pagamento obrigatório por convênios
2011Primeiro Curso de Guia Interno e Operador de Câmara para Técnicos de Enfermagem
Revisão das indicações do Rol da ANS com inclusão do Pé Diabético
2015Realização do VII Congresso Brasileiro no Rio de Janeiro
2016 – 2017Gestão e fornecimento de dados a Associação Médica Brasileira (AMB) para pleitear a Área de Atuação em Medicina Hiperbárica
Gestão e preenchimento das diretrizes junto ao Ministério da Saúde para inserção da OHB na tabela do SUS (provavelmente apenas uma indicação)